Qual a melhor escova de dentes para crianças?

cepillado

As escovas dentais têm importante papel não só no controle da placa bacteriana, mas também na remoção das manchas extrínsecas que se formam sobre a superfície dos dentes e na liberação dos princípios ativos que contêm os dentifrícios.

Uma escova dental deve ser capaz de atingir e limpar eficientemente quase todas as áreas da boca, limpando de forma efetiva as superfícies dos dentes. Apesar de não haver um consenso sobre qual tipo de escova seria mais efetiva, a maioria dos profissionais concorda que a escova dental é um recurso único e valioso de higienização bucal.

O uso de escovas dentais ocorreu primeiramente na China por volta de 1600 a.C., desde então, as escovas dentais têm evoluído acompanhando os conhecimentos científicos. Esses instrumentos transformaram-se de instrumentos simples e rústicos com cerdas de pelo de porco a sofisticados instrumentos mecânicos de higiene bucal. Atualmente, podemos encontrar no comércio escovas com diversas formas, tamanhos, desenhos, cabos, cerdas e cabeças.

Para motivar a criança a realizar o ato de escovação, a indústria vem lançando mão de vários atrativos comerciais tais como cor, cheiro, desenho de personagens infantis, escovas elétricas, entre outros recursos.

283649

Foram avaliadas 15 marcas de escovas dentais indicadas para uso infantil e fabricadas por cinco diferentes empresas. Foram avaliados: fabricante, dureza das cerdas, instruções sobre o uso do produto, indicação de idade, tempo de uso, desenhos de personagens infantis, selo da Associação Brasileira de Odontologia (ABO), preço, material utilizado no cabo, comprimento das cerdas (mm) e presença de corante nas cerdas.

Resultados: Um total de 87% das escovas informava sobre a necessidade de troca a cada 3 meses, 73% instruíam sobre uso, 47% possuíam o selo da ABO, 60% apresentavam desenhos infantis e 73% possuíam cerdas de 10 mm de comprimento. O preço variou entre R$1,00 a R$8,55.

cats

Alguns dos requisitos das escovas dentais preconizados pela American Dental Association são: tufos com o mesmo comprimento, cabeças e hastes situadas em um mesmo eixo, peso leve, impermeável à umidade, fácil limpeza, cabeça com tufos 3×6 mm, cerdas de náilon, fácil manipulação, durável e eficiente, baixo custo e esteticamente agradável. Entretanto, nem todas as escovas dentais de uso infantil avaliadas preencheram todos esses requisitos.

Um estudo prévio sobre as escovas dentais comercializadas no país concluiu que todas as escovas dentais com o selo ABO de qualidade apresentaram extremidade arredondada de cerdas e uma relação correta de classificação, por exemplo: macia, média, dura.

As escovas macias são mais apropriadas para crianças devido a diversos fatores como: a gengiva do paciente infantil tem consistência mais fina e aparência mais hiperêmica, diferindo da gengiva rosada e com aspecto de casca de laranja dos adultos saudáveis, sendo mais susceptível a danos mecânicos causados pelo instrumento de escovação.

escova-de-dente-infantil_iZ297XvZxXpZ1XfZ72950207-25036383490-1.jpgXsZ72950207xIM

A maioria das escovas apresentava corante em filamentos nas cerdas, que atuam como indicador de durabilidade. As cerdas são impregnadas com corantes para indicar o tempo de uso adequado das escovas através de sua descoloração, que serve como referência aos pais sobre a necessidade de substituir a escova dental.

Onze escovas analisadas (73%) tinham cerdas com 10 mm de extensão, que é um comprimento adequado para caber na cavidade bucal da criança. O comprimento excessivo pode contribuir para abuso da quantidade de dentifrício, proporcionando maior risco da criança engolir dentifrício com flúor, o que poderia aumentar o risco de ocorrência de fluorose dentária.

A remoção de placa em crianças pode ser significativamente melhorada com instruções para uma boa escovação, independentemente do tipo de escova dental utilizada. Esta informação é relevante já que várias características comerciais podem aumentar o custo dessas escovas. Por exemplo, a presença de desenhos infantis no cabo pode servir como uma estratégia comercial para atrair as crianças, mas encarece o produto e não influi diretamente na qualidade da higienização do paciente infantil.

A presença de corante nas cerdas também aumenta o custo, porém não é uma característica essencial de qualidade. O material do cabo também pode aumentar o custo da escova, já que os cabos de plástico e principalmente de borracha são mais caros. Assim como outras características puramente estéticas, o tipo de material utilizado no cabo não influi necessariamente no desempenho de escovação das crianças. Escovas convencionais e de baixo custo são tão eficazes quanto às escovas mais sofisticadas para higiene bucal.

ProductShot_MotionBratz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s